Quando a vida nos dá limões só nos resta fazer uma boa limonada.

{e, de limonada na mão,
deito-me na areia, fecho os olhos
e aproveito o sol}

sábado, 27 de março de 2010

{do fim-de-semana}

:







Acabei de ler (num desses blogs cor-de-rosa da treta, em que caí, sem querer) que ser mulher é uma dádiva, é ser tudo, é a força matriz da humanidade, o fluxo sanguíneo nas artérias do planeta terra... blá, blá, blá... whiskas saquetas.








Eu digo que ser mulher - principalmente, ao fim-de-semana - é uma verdadeira treta.

Ser mulher, significou, para mim, acordar às oito da manhã para ir ao mercado e fazer as compras para a nova semana que se aproxima; limpar toda a casa, do chão ao tecto; tratar da roupa e organizar tudo para que nada falhe na semana seguinte... e, ainda me sobrou muita coisa para amanhã...

Quanto ao homem cá de casa: no escritório, todo o dia, claro. A "trabalhar", sentado em frente ao computador, navegando pela internet... uma autêntica canseira, o coitado.

[ser mulher... é #&%!!!]

3 comentários:

Fê-Tinha disse...

Ser mulher...é ser escrava!
Bjs

Lady in high heels disse...

Onde é que eu já vi este filme? Ah! Já sei! Foi o meu belíssimo fds! Três vivas à revolta dos soutiens! Não dei em nada: só nos complicou mais a vida!

Lemon Girl disse...

Fê...tudo dito.

Lady, assino em baixo!